As inter-relações entre as TIC e a Agricultura Familiar.

Revista Eletrônica Competências Digitais para Agricultura Familiar (RECoDAF)

Endereço:
Rua Domingos da Costa Lopes, 780 - Jardim Itaipu
Tupã / SP
17602-496
Site: http://codaf.tupa.unesp.br:8082
Telefone: (14) 98825-5999
ISSN: 2448-0452
Editor Chefe: Fernando de Assis Rodrigues
Início Publicação: 01/01/2015
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Agronomia, Área de Estudo: Ciência e Tecnologia de Alimentos, Área de Estudo: Engenharia Agrícola, Área de Estudo: Ciência da computação, Área de Estudo: Administração, Área de Estudo: Ciência da informação, Área de Estudo: Engenharia ambiental

As inter-relações entre as TIC e a Agricultura Familiar.

Ano: 2017 | Volume: 3 | Número: 1
Autores: Cidonea Machado Deponti, Rosane Bernardete Brochier Kist, Augusta Machado
Autor Correspondente: Cidonea Machado Deponti | [email protected]

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Este artigo é resultado do trabalho de pesquisa e extensão tecnológica referente ao Projeto denominado "O uso e a apropriação de TICs pela agricultura familiar no Vale do Caí - RS", financiado pelo edital do MCTI/CNPq, pela FAPERGS e pela UNISC, desenvolvido em parceria com a EMATER/ASCAR-RS, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, as escolas rurais situadas no Vale do Caí, os alunos dos cursos de graduação em Contábeis e Administração do Campus de Montenegro/UNISC e os doutorandos do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional. O presente artigo refere-se a uma revisão bibliográfica da produção realizada pela equipe do projeto e objetiva demonstrar as inter-relações entre o uso e a apropriação das TIC e a agricultura familiar. Identificou-se que somente o acesso das famílias de agricultores às novas tecnologias e uma infraestrutura adequada não garantem, por si só, a utilização das TIC. Conclui-se que a apropriação das TIC pela agricultura familiar depende de um processo de mediação e interface social entre a Universidade e a sociedade, exigindo equipes de trabalho interdisciplinares, recursos para a extensão, projetos com maturação de longo prazo, sem limites de tempo e de metas. Além disso, destaca-se que a compreensão do universo simbólico e do cotidiano dos agricultores deve ser o ponto de partida.

Resumo Inglês:

This article is a result of the research and technological extension work related to the Project entitled "The use and appropriation of ICTs by family farmers in the Vale do Caí - RS", financed by the edict of MCTI/CNPq, FAPERGS and UNISC, developed in Partnership with EMATER/ASCAR-RS, the Union of Rural Workers, the rural schools located in the Vale do Caí, the students of the Graduation Administration and Accounting Sciences courses of the Campus of Montenegro/UNISC and the doctoral students of the Postgraduate Program in Regional Development. This article refers to a literature review of the production carried out by the project team and aims to demonstrate the interrelations between the use and appropriation of ICTs and family agriculture. It was identified that only the access of the families of farmers to the new technologies and an adequate infrastructure does not guarantee, in itself, the use of the ICTs. It is concluded that the appropriation of ICT by family agriculture depends on a process of mediation and social interface between the University and society, requiring interdisciplinary work teams, resources for the extension, projects with long-term maturity, without time limits and of goals. In addition, it is emphasized that the understanding of the symbolic universe and the everyday life of the farmers must be the starting point.