A PROBLEMÁTICA FILOSÓFICA DO RECONHECIMENTO NO PENSAMENTO DE PAUL RICOEUR

Síntese

Endereço:
Av. Dr. Cristiano Guimarães 2127, Planalto
Belo Horizonte / MG
31720300
Site: http://faje.edu.br/periodicos/index.php/Sintese
Telefone: (31) 31157013
ISSN: 1034332
Editor Chefe: João Augusto Anchieta Amazonas Mac Dowell
Início Publicação: 31/12/1973
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Filosofia

A PROBLEMÁTICA FILOSÓFICA DO RECONHECIMENTO NO PENSAMENTO DE PAUL RICOEUR

Ano: 2016 | Volume: 43 | Número: 137
Autores: Carlos Roberto Drawin
Autor Correspondente: Suporte Periódicos | [email protected]

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O artigo propõe situar a teoria do reconhecimento no pensamento de Paul Ricoeur. Com este objetivo o dividimos em duas partes. Na primeira seguimos o percurso do filósofo francês em seu projeto de construção de uma Antropologia Filosófica a partir da Filosofia da Reflexão de procedência cartesiana da Fenomenologia husserliana. Os impasses que daí decorrem o levam ao distanciamento da tentação solipsista das filosofias da consciência e à proposição de uma longa mediação pelo mundo do símbolo, dos textos e da ação. Por conseguinte, a ideia de reconhecimento está inscrita no próprio desenvolvimento do pensamento do filósofo. Na segunda parte reconstruímos o argumento do livro Percurso do reconhecimento por meio de seis temas fundamentais: os impasses da recognição; a saída da representação; a provação do desconhecimento; a reconstrução da identidade; o desafio da alteridade; a exigência da paz.

Resumo Inglês:

The article aims at presenting the theory of recognition in the thought of Paul Ricoeur. In order to do so, it is divided in two parts. The first follows the French philosopher in his project to construct a philosophical anthropology based on the Cartesian philosophy of Reflection as well as on the Husserlian phenomenology. However, both led him to an impasse that made him detach himself from the solipsist temptation of the philosophies of consciousness. Instead, he proposed an extended mediation that encompassed the world of symbols, texts and action. The idea of recognition is therefore embedded in the development of his thinking. The second part of this paper reconstructs the argument of Ricoeur’s book The course of recognition, through six fundamental themes: the obstacles of recognition; forsaking representation; “the test of the unrecognizable”; the reconstruction of identity; the challenge of otherness; the demand for peace.