Avaliação do desenvolvimento da alface (Lactuca sativa L.) sob diferentes coberturas do solo

Revista Agrária Acadêmica

Endereço:
Rua Rio Grande do Norte - 1342, sala 3 - Centro
Imperatriz / MA
65901-280
Site: https://agrariacad.com/
Telefone: (81) 9423-2398
ISSN: 2595-3125
Editor Chefe: Jailson Honorato
Início Publicação: 01/05/2018
Periodicidade: Bimestral
Área de Estudo: Ciências Agrárias, Área de Estudo: Agronomia, Área de Estudo: Biologia geral, Área de Estudo: Bioquímica, Área de Estudo: Botânica, Área de Estudo: Ciência e Tecnologia de Alimentos, Área de Estudo: Ecologia, Área de Estudo: Engenharia Agrícola, Área de Estudo: Medicina Veterinária, Área de Estudo: Melhoramento Animal, Área de Estudo: Microbiologia, Área de Estudo: Recursos Florestais e Engenharia Florestal, Área de Estudo: Recursos Pesqueiros e Engenharia da Pesca, Área de Estudo: Zoologia, Área de Estudo: Zootecnia

Avaliação do desenvolvimento da alface (Lactuca sativa L.) sob diferentes coberturas do solo

Ano: 2019 | Volume: 2 | Número: 3
Autores: Edimar Aparecido Ferreira, Aldaísa Martins da Silva de Oliveira, João Antônio da Silva, Ricardo Alexandre Lambert
Autor Correspondente: Ricardo Alexandre Lambert | [email protected]

Palavras-chave: Mulching, cobertura vegetal, solo descoberto

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O experimento foi conduzido na Fazenda Pirapitinga, localizada no município de Canápolis-MG e teve como objetivo avaliar o desenvolvimento das variedades de alface, crespa e roxa, sob diferentes tipos de coberturas. O delineamento experimental empregado foi (DBC), em esquema fatorial 3x2, sendo: 3coberturas de solo (solo descoberto, cobertura com palha de Braquiária e cobertura com mulching) e 2 variedades (var. Crespa e var. Roxa), com 4 repetições. Avaliou-se a altura de plantas, número de folhas e diâmetro da planta aos 32 e 47 dias após o plantio. Conclui-se que a cultivar crespa apresentou maior número de folhas e as cultivares de alface tiveram desempenho inferior no mulching plástico.



Resumo Inglês:

The experiment was carried out at Fazenda Pirapitinga, located in the city of Canápolis, MG, Brazil. The objective was to evaluate the development of lettuce, purple and purple varieties under different types of coverings. The experimental design was (DBC), in a 3x2 factorial scheme, being: 3 soil openings (uncovered soil, Brachiaria mulch cover and mulching) and 2 varieties (var. Crespa and var. Roxa), with 4 replications. Plant height, leaf number and plant diameter were evaluated at 32 and 47 days after planting. It was concluded that the cultivar curled had a larger number of leaves and the lettuce cultivars had inferior performance in the plastic mulching.