BIOPROSPECÇÃO ANTIMICROBIANA DE EXTRATO DA PRÓPOLIS DE Apis mellifera PRODUZIDO EM MG E O SEU SINERGISMO COM A PENICILINA

Bionorte

Endereço:
Avenida Osmani Barbosa, 11.111 - Conjunto Residencial JK
Montes Claros / MG
39404-006
Site: http://revistas.funorte.edu.br/revistas/index.php/bionorte
Telefone: (38) 2101-9288
ISSN: 2175-1943
Editor Chefe: Árlen Almeida Duarte de Sousa
Início Publicação: 01/02/2014
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Ciências Biológicas, Área de Estudo: Ciências da Saúde, Área de Estudo: Multidisciplinar

BIOPROSPECÇÃO ANTIMICROBIANA DE EXTRATO DA PRÓPOLIS DE Apis mellifera PRODUZIDO EM MG E O SEU SINERGISMO COM A PENICILINA

Ano: 2016 | Volume: 5 | Número: 2
Autores: J. G. G. Mota, M. E. P. Ferreira, G. A. Lacerda
Autor Correspondente: G. A. Lacerda | [email protected]

Palavras-chave: Testes de Sensibilidade a Antimicrobianos por Disco-Difusão. Própolis. Etnofarmacologia.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A própolis de Apis mellifera é uma substância de fácil aquisição, por se tratar de um produto natural que dispensa récipe, e cujos benefícios são conhecidos e utilizados há muitos anos. Devido o uso de antibióticos sintéticos, em muitos casos, não apresentar os resultados esperados, e a administração de forma indiscriminada desses medicamentos poder levar a resistência microbiana aos mesmos, a própolis representa umа excelente аlternаtіvа aos medicamentos e аntіbіótіcos químicos. O presente estudo testou a atividade antimicrobiana da própolis frente às cepas Staphylococcus aureus, Micrococcus luteus, Candida albicans, Enterococcus faecalis e Pseudomonnas aeruginosa e o seu sinergismo quando avaliado juntamente a Penicilina. Os extratos foram diluídos a 30% em DMSO e submetidos ao método de difusão em disco. O extrato Caiçara apresentou atividade antimicrobiana em 100% dos testes. O extrato Bela Vista e Santa Bárbara não apresentaram atividade frente às cepas de C. albicans e E. faecalis, sendo que o Santa Bárbara além das cepas citadas também não inibiu P. aeruginosa. O extrato obtido em Mirabela apresentou 0% de atividade antimicrobiana. O extrato MM Mel não inibiu a cepa E. faecalis. Quanto aos resultados dos testes, quando adicionada a penicilina, não foram obtidos resultados significantes após adição do antibiótico. A maioria dos extratos testados apresentou expressiva atividade antimicrobiana, principalmente frente às cepas gram-positivas.



Resumo Inglês:

Apis mellifera propolis is a substance easily acquired, because it is a natural product that does not require prescription and whose benefits are known and that has been used for many years. Due to the use of synthetic antibiotics do not deliver the expected results, in many cases, and the administration of these drugs indiscriminately could lead to microbial resistance to them, thus propolis is an excellent option to drugs and chemicals allopathics. The present study tested the antimicrobial activity of propolis against the strains Staphylococcus aureus, Micrococcus luteus, Candida albicans, Enterococcus faecalis and Pseudomonnas aeruginosa and its synergism when tested together Penicillin. The extracts diluted in 30% DMSO were tested by disk diffusion method. The Caiçara extract showed antimicrobial activity in 100% of tests. The extract Bela Vista and Santa Barbara showed no activity against the strains of C. albicans and E. faecalis, and the Santa Barbara besides the aforementioned strains did not inhibit P. aeruginosa. The extract obtained in Mirabela showed 0% of antimicrobial activity. The MM extract Mel did not inhibit strain E. faecalis. As to the test results, when added to penicillin, no significant results were obtained after addition of the antibiotic. Most of the tested extracts showed significant antimicrobial activity, especially in the face of gram-positive strains.