Disruptiva memória sobre o comportamento do público em exposições de arte e tecnologia

Revista Visuais

Endereço:
Rua Elis Regina, 50 - Cidade Universitária
Campinas / SP
13083854
Site: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/visuais/index
Telefone: (19) 3521-4000
ISSN: 2447-1313
Editor Chefe: Prof. Dr. Mauricius Martins Farina
Início Publicação: 03/08/2015
Periodicidade: Bianual
Área de Estudo: Linguística, Letras e Artes, Área de Estudo: Artes

Disruptiva memória sobre o comportamento do público em exposições de arte e tecnologia

Ano: 2020 | Volume: 6 | Número: 1
Autores: Medina, Camila Damico
Autor Correspondente: Medina, Camila Damico | [email protected]l.com

Palavras-chave: Espectador, Arte e tecnologia, A arte eletrônica na época disruptiva

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A fim de compreender como o posicionamento afetivo pode criar uma memória em torno das expectativas e impressões do público em contato com obras de arte de caráter híbrido, o foco deste artigo é tratar do processo constitutivo do relato sobre o comportamento do público visitante da exposição A arte eletrônica na época disruptiva. O texto visa questionar metodologicamente a delimitação de uma negação do espaço dos afetos para pesquisa sobre as disputas do lugar do espectador em modelos expositivos mais laboratoriais. Ao me propor a assumir uma posição mais experimental durante a observação participante na situação de visitação, investigo como me aproximar do campo de vivências do público ao interagir com a exposição de arte e tecnologia.



Resumo Inglês:

In order to understand how affective positioning can create a memory around the expectations and impressions of the public in contact with works of art created on hybrid supports, the focus of this article is to address the constitutive process of writing about the behavior of the visiting audience of exhibition A arte eletrônica na época disruptiva[Electronic art in the disruptive era]. The text aims to methodologically question the delimitation of a denial of the space of affections for research on disputes over the viewer's place in more laboratory exhibition models. By proposing to take a more experimental position during participant observation in the visitation situation, I investigate how to approach the field of public experiences when interacting with the art and technology exhibition.



Resumo Espanhol:

Para comprender cómo el posicionamiento afectivo puede crear una memoria en torno a las expectativas e impresiones del público en contacto con obras de arte de carácter híbrido, el objetivo de este artículo es abordar el proceso constitutivo del informe sobre el comportamiento del público visitante de la exposición A arte eletrônica na época disruptiva [El arte electrónico en la era disruptiva]. El texto tiene como objetivo cuestionar metodológicamente la delimitación de una negación del espacio de afectos para la investigación sobre disputas sobre el lugar del espectador en más modelos de exhibición de laboratorio. Al proponer tomar una posición más experimental durante la observación participante en la situación de las visitas, investigo cómo abordar el campo de las experiencias públicas al interactuar con la exposición de arte y tecnología.