DISSECÇÃO DO PLEXO CERVICAL NA FORMAÇÃO MÉDICA: APLICABILIDADES CLÍNICAS E CIRÚRGICAS

Arquivos de Ciências da Saúde da Unipar

Endereço:
Praça Mascarenha de Moraes, 4282 - UNIPAR - Zona III
Umuarama / PR
87502210
Site: http://revistas.unipar.br/saude
Telefone: (44) 3621-2812
ISSN: 1982-114X
Editor Chefe: Francislaine Aparecida Dos Reis Lívero
Início Publicação: 31/01/1997
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências da Saúde

DISSECÇÃO DO PLEXO CERVICAL NA FORMAÇÃO MÉDICA: APLICABILIDADES CLÍNICAS E CIRÚRGICAS

Ano: 2021 | Volume: 25 | Número: 2
Autores: FELIPE, A. A. S.; FORNAZIERO, C. C.; GOUVÊA-E-SILVA, L. F.; BOCCHI, M.; FERNANDES, E. V.
Autor Correspondente: FELIPE, A. A. S. | [email protected]

Palavras-chave: Anatomia Regional, Lesão Nervosa, Educação Médica, Regional Anatomy, Nerve Injury, Medical Education

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A Anatomia da região cervical é de particular importância para os clínicos e cirurgiões de diversas especialidades médicas. Em se tratando da organização nervosa presente na região anterolateral do pescoço, encontra-se o plexo cervical, formado pelos ramos anteriores dos nervos cervicais C1 a C4, cuja função é promover a sensibilidade da pele anterolateral cervical, torácica anterossuperior e do couro cabeludo posterior, na cabeça, além de controlar a musculatura infra-hióidea e diafragmática. Logo, lesões a essa estrutura nervosa e aos seus ramos podem causar graves complicações ao corpo humano. Esse trabalho objetivou utilizar a dissecção da região anterolateral do pescoço como uma ferramenta pedagógica para o estudo das relações anatômicas dos nervos do plexo cervical observados durante essa prática, assim como relatar algumas de suas importâncias clínicas e cirúrgicas. O presente estudo é caracterizado como qualitativo/descritivo. A dissecção foi realizada semanalmente, durante o segundo semestre de 2018 e o primeiro semestre de 2019, com a supervisão do professor responsável e auxílio do técnico de laboratório, no Laboratório de aulas práticas da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Considera-se que a dissecção da região anterolateral do pescoço permitiu a visualização de diversos nervos cutâneos e musculares do plexo cervical, assim como de alguns de seus ramos e suas relações anatômicas. Também contribuiu para o conhecimento da topografia em que se encontravam tais estruturas e sua organização em camadas. Esse conhecimento anatômico é essencial para a prática médica, tanto clínica quanto cirúrgica.



Resumo Inglês:

The anatomy of the cervical region is of particular importance for surgeons and physicians of different medical specialties. The cervical plexus can be found in the anterolateral region of the neck, formed by the anterior branches of the cervical nerves C1 to C4, whose function is to promote the sensitivity of the cervical anterolateral skin, anterosuperior thoracic skin, and posterior scalp, on the head, in addition to controlling the infrahyoid and diaphragmatic muscles. Therefore, injuries to this nervous structure and its branches may cause serious complications to the human body. This work aimed at using the dissection of the anterolateral neck region as a pedagogical tool for the study of the anatomical relationships of the cervical plexus nerves observed during this practice, as well as to highlight some of its clinical and surgical importance. This is a qualitative/descriptive study. The dissection was performed weekly, during the second semester of 2018 and the first semester of 2019, with the supervision of the professor in charge and the assistance of the laboratory technician at the Laboratory of Practical Classes at the State University of Londrina (UEL). It is considered that the dissection of the anterolateral neck region allowed the visualization of several cutaneous and muscular nerves present in the cervical plexus. It also contributed to the knowledge of the topography in which these structures were found and their organization in layers. This anatomical knowledge is essential for both clinical and surgical medical practice.