MULHERES E SORRISOS: em busca da beleza e sedução

Outros Tempos Pesquisa Em Foco História

Endereço:
Universidade Estadual do Maranhão, Curso de História, Campus Paulo VI, Bairro Tirirical
São Luís / MA
Site: http://www.outrostempos.uema.br
Telefone: (98) 3245-6141
ISSN: 18088031
Editor Chefe: José Henrique de Paula Borralho
Início Publicação: 13/04/2004
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: História

MULHERES E SORRISOS: em busca da beleza e sedução

Ano: 2020 | Volume: 17 | Número: 29
Autores: MARIA IZILDA S. MATOS
Autor Correspondente: MARIA IZILDA S. MATOS | [email protected]

Palavras-chave: Mulher. Sorriso. Higiene. Saúde Bucal. Beleza. Dispositivos Biopolíticos.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Apesar de percebidas como naturais, as experiências corpóreas foram transmitidas, aprendidas e subjetivadas social, cultural e historicamente. As representações femininas foram majoritárias na publicidade de produtos de beleza/higiene corporal e bucal, o que permite examinar as permanências e transformações de hábitos, comportamentos, padrões de beleza, higiene e cuidados. Neste sentido, este artigo se propõe a recuperar e questionar o papel dos “dispositivos biopolíticos” na construção da feminilidade, através de ações na busca pela beleza e sedução dos sorrisos.



Resumo Inglês:

Although perceived as natural, the bodily experiences were transmitted, learned and subjectivated socially, culturally and historically. The female representations were the majority in the advertising of beauty / body and oral hygiene products, which allows us to examine the permanences and transformations of habits, behaviors, beauty standards, hygiene and care. In this sense, this article aims to recover and question the role of "biopolitical devices" in the construction of femininity, through actions in search of beauty and seduction of smiles.



Resumo Espanhol:

Aunque percibidas como naturales, las experiencias corporales son transmitidas, aprendidas y subjetivadas social, cultural e históricamente. Las representaciones femeninas fueron la mayoría en la publicidad de productos de belleza/higiene del cuerpo y bucal, lo que nos permite examinar las permanencias y transformaciones de hábitos, comportamientos, estándares de belleza, higiene y cuidado. En este sentido, este artículo propone recuperar y cuestionar el papel de los "dispositivos biopolíticos" en la construcción de la feminidad, a través de acciones en búsqueda de la belleza y la seducción de las sonrisas.