OFIDISMO: CARACTERIZAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA NO ESTADO DA PARAÍBA, DO PERÍODO DE 2003 A 2004

Revista de Ciências da Saúde Nova Esperança

Endereço:
Avenida Frei Galvão - Gramame
João Pessoa / PB
58067-695
Site: https://revista.facene.com.br
Telefone: (83) 2106-4777
ISSN: 23177160
Editor Chefe: Ana Lima Dantas
Início Publicação: 30/07/2013
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Agrárias, Área de Estudo: Agronomia, Área de Estudo: Medicina Veterinária, Área de Estudo: Ciências da Saúde, Área de Estudo: Educação física, Área de Estudo: Enfermagem, Área de Estudo: Farmácia, Área de Estudo: Fisioterapia e terapia ocupacional, Área de Estudo: Medicina, Área de Estudo: Nutrição, Área de Estudo: Odontologia, Área de Estudo: Saúde coletiva, Área de Estudo: Psicologia, Área de Estudo: Multidisciplinar

OFIDISMO: CARACTERIZAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA NO ESTADO DA PARAÍBA, DO PERÍODO DE 2003 A 2004

Ano: 2005 | Volume: 3 | Número: 1
Autores: Pordeus, C., Galvão, M. P., Correia, A., de Albuquerque, M., & França, U.
Autor Correspondente: Catarina Figueiredo Pordeus | [email protected]

Palavras-chave: Acidente ofídico, Epidemiologia, CEATOX

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Os acidentes ofídicos constituem um problema de saúde pública, principalmente nos países em desenvolvimento. Este estudo exploratório-descritivo com abordagem quantitativa teve o objetivo de caracterizar o perfil epidemiológico dos acidentes por ofidismo dos gêneros Bothrops, Crotalus e Micrurus no Estado da Paraíba, no período de janeiro de 2003 a setembro de 2004, registrados pelo Centro de Assistência Toxicológica da Paraíba (CEATOX/PB). Constataram-se 72 ocorrências no período aludido. Foi utilizada a ficha de notificação e atendimento, observando as questões relativas aos acidentes ofídicos causados por serpentes peçonhentas. Os resultados evidenciaram que 75% das vítimas eram constituídas por agricultores do sexo masculino, com faixa etária de 20 a 30 anos; 80% do total das vítimas foram acidentados por serpentes peçonhentas do gênero Bothrops, sendo o segmento corpóreo mais atingido, às extremidades dos membros inferiores (nos pés) com um percentual de 46% dos acidentes. Revelou ainda, que todas as vítimas acidentadas por serpentes peçonhentas que procuraram o atendimento no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW/UFPB), receberam atendimento imediato adequado, com a terapia antiveneno específica, e que 89% das vítimas obtiveram a cura. Uma parte da amostra total correspondente a 11% não continha dados registrados quanto sua evolução clínica, dessa forma, a análise de todos os casos do estudo, após o tratamento com o soro antiofídico, ficou prejudicada. Recomenda-se implantação de programas educativos de prevenção de acidentes ofídicos, voltados para agricultores e comunidades agrícolas, bem como, campanhas para os profissionais de saúde que evidenciem a importância do registro completo dos casos assistidos.



Resumo Inglês:

Snakebite accidents are a public health problem, especially in developing countries. This exploratory-descriptive study with a quantitative approach aimed to characterize the epidemiological profile of Bothrops, Crotalus and Micrurus ophidian accidents in the state of Paraíba, from January 2003 to September 2004, registered by the Toxicological Assistance Center of Paraíba (CEATOX / PB). There were 72 occurrences in the period mentioned. The notification and attendance form was used, observing the questions related to snakebite accidents caused by venomous snakes. The results showed that 75% of the victims were male farmers, aged 20 to 30 years; 80% of the total victims were injured by venomous snakes of Bothrops genus, being the most affected body segment, to the extremities of the lower limbs (feet) with a percentage of 46% of the accidents. He also revealed that all victims injured by venomous snakes who sought care at the Lauro Wanderley University Hospital (HULW / UFPB) received appropriate immediate care with specific antivenom therapy, and that 89% of victims were cured. A part of the total sample corresponding to 11% did not contain data recorded regarding its clinical evolution, thus, the analysis of all cases of the study, after treatment with the antiophidic serum, was impaired. It is recommended to implement educational programs for prevention of snakebite accidents, aimed at farmers and agricultural communities, as well as campaigns for health professionals that highlight the importance of the complete record of assisted cases.