Perfil clínico-epidemiológico das neoplasias ocorridas no período de 2005-2012 no Estado do Paraná

Revista de epidemiologia e controle de infecção

Endereço:
Hospital Santa Cruz Núcleo de Epidemiologia Hospitalar/Comissão de Controle de Infecção Rua Fernando Abott, 174 - Santa Cruz do Sul - RS - Brasil
/ RS
96810-072
Site: http://online.unisc.br/seer/index.php/epidemiologia
Telefone: (51)3713-7484
ISSN: 22383360
Editor Chefe: Marcelo Carneiro
Início Publicação: 30/11/2011
Periodicidade: Trimestral
Área de Estudo: Medicina

Perfil clínico-epidemiológico das neoplasias ocorridas no período de 2005-2012 no Estado do Paraná

Ano: 2016 | Volume: 6 | Número: Suplemento
Autores: R. M. B. Nobre, F. S. Nishida, M. G. C. Scardoelli, A. G. Marques, L. P. Oliveira
Autor Correspondente: F. S. Nishida | [email protected]

Palavras-chave: neoplasias, epidemiologia, saúde coletiva, promoção da saúde

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Justificativa e Objetivo: Justifica-se a realização deste estudo ao considerar a carga global que as neoplasias representam e suas consequências deletérias à sociedade, tendo em vista sua relevância epidemiológica e social este estudo objetivou verificar o perfil clínico epidemiológico das neoplasias ocorridas entre 2005-2012 no estado do Paraná. Métodos: Trata-se de um estudo transversal descritivo e exploratório de abordagem quantitativa. Foram incluídos todos os 132.480 casos de neoplasia do Registro Hospitalar de Câncer, do Instituto Nacional do Câncer (INCA), ocorridos no Paraná entre 2005-2012. Resultados: No Paraná houve aumento nos casos de neoplasia, essas ocorrem mais nas mulheres na faixa etária onde são mais economicamente ativas. A doença atinge mais pessoas da cor/raça branca. Os encaminhamentos em sua maioria são feitos pelo SUS. A forma mais utilizada para diagnóstico é o histológico e os tipos mais comuns são neoplasias de pele, mama, próstata e colo do útero. Conclusões: Conhecer essas características permite direcionar estratégias para detecção precoce da doença bem como medidas de educação em saúde, planejamento das políticas públicas e promoção da saúde da coletividade.



Resumo Inglês:

Background and Objective: It is justified to carry out this study to consider the global burden neoplasms represent and its deleterious consequences to society, given its epidemiological and social relevance of this study aimed to verify the clinical epidemiological profile of cancer occurred between 2005-2012 in the state of Parana. Method: This is a descriptive and exploratory cross-sectional study with a quantitative approach. We included all 132,480 cases of cancer of the Hospital Cancer Registry, the National Cancer Institute (INCA), occurred in Paraná between 2005-2012. Results: In Paraná there was an increase in cases of cancer, these occur more in women in the age group where they are most economically active. The disease affects more people of color / white. Referrals are mostly made by SUS. The most widely used form for diagnosis is histological and common types are skin neoplasms, breast, prostate and cervix. Conclusions: Knowing these characteristics allows direct strategies for early detection and health education measures disease, planning of public health policies and collective promotion.