REVISÃO DA LITERATURA MÉDICA VIGENTE SOBRE AS DIFICULDADES FRENTE A IMPLANTOPLASTIA

Brazilian Journal of Implantology and Health Sciences

Endereço:
Avenida Clodóvio Coelho - Central
Macapá / AP
68900030
Site: https://bjihs.emnuvens.com.br/bjihs
Telefone: (96) 9814-3766
ISSN: 2674-8169
Editor Chefe: Eber Coelho Paraguassu
Início Publicação: 03/06/2019
Periodicidade: Mensal
Área de Estudo: Ciências da Saúde

REVISÃO DA LITERATURA MÉDICA VIGENTE SOBRE AS DIFICULDADES FRENTE A IMPLANTOPLASTIA

Ano: 2019 | Volume: 1 | Número: 1
Autores: Karina Figueira da Silva
Autor Correspondente: Karina Figueira da Silva | [email protected]

Palavras-chave: implantoplastia, peri-implantite, reabsorção óssea.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Introdução: Implantoplastia é a modificação mecânica do implante, incluindo remoção de rosca e alisamento da superfície, tem sido proposta durante o tratamento peri-implantite cirúrgico.

Objetivos: O objetivo da revisão atual foi avaliar sistematicamente a literatura para responder à questão focada “Existem complicações mecânicas e ou biológicas devido à implantoplastia? ”.

Materiais e métodos: A busca sistemática da literatura foi realizada em três bases de dados para avaliar possíveis complicações mecânicas e ou biológicas. Todos os estudos
laboratoriais, pré-clínicos in vivo e clínicos envolvendo implantoplastia foram incluídos, e qualquer complicação potencialmente relacionada à implantoplastia foi registrada
e resumida.

Resultados: Estudos laboratoriais demonstraram que a implantoplastia não resulta em aumento de temperatura, desde que o resfriamento apropriado seja usado, mas leva à redução da força do implante em implantes de dimensão “padrão”; além disso, estudos pré-clínicos mostraram deposição de partículas de titânio nos tecidos circundantes. No entanto, nenhum estudo clínico relatou qualquer complicação notável devido à implantoplastia; entre 217‐291 implantes submetidos a implantoplastia, nenhuma fratura de implante foi relatada durante um follow-up de 3- 126 meses, enquanto apenas um único caso de
descoloração da mucosa, provavelmente devido à deposição de partículas de titânio, foi relatado.

Conclusões: Com base em todas as evidências clínicas e in vivo pré-clínicas atualmente disponíveis, mas limitadas, a implantoplastia não parece estar associada a nenhuma complicação mecânica ou biológica notável a curto ou médio prazo.