Sistema, estrutura, significação. Alguns paralelos filosóficos nas teorias neokantiana e estruturalista da linguagem

Kant e-Prints

Endereço:
Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência (CLE), Rua Sérgio Buarque de Holanda, Nº 251 - Cidade Universitária
Campinas / SP
13083-859
Site: https://www.cle.unicamp.br/eprints/index.php/kant-e-prints/index
Telefone: (19) 3521-6520
ISSN: 1677-163X
Editor Chefe: Daniel Omar Perez
Início Publicação: 01/01/2002
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Humanas

Sistema, estrutura, significação. Alguns paralelos filosóficos nas teorias neokantiana e estruturalista da linguagem

Ano: 2021 | Volume: 16 | Número: 2
Autores: C. Möckel
Autor Correspondente: C. Möckel | [email protected]

Palavras-chave: linguagem, sistema, estrutura, significação, função, fonologia

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

No presente artigo serão discutidas algumas abordagens e explicações comparativas dedicadas à moderna teoria da linguagem, que podem ser encontradas tanto no filósofo neokantiano do símbolo Ernst Cassirer como nos linguistas estruturalistas Nikolaj Trubetzkoj e Roman Jakobson, que frequentemente se referem a Ferdinand de Saussure. Com esta finalidade, recorreremos a conceitualizações inovadoras usadas em comum no pensamento filosófico da primeira metade do século XX, tais como forma, estrutura, sistema, sinal, sentido ou significação e expressão, que determinam as respectivas teorias da linguagem. Entre outras coisas, as evidências provam que certos novos princípios de pensamento e terminologias são avanços em diferentes disciplinas científicas e meios culturais, sem que seus descobridores ou representantes se refiram uns aos outros, ou mesmo que conheçam uns aos outros.



Resumo Inglês:

In the following article will be discussed some comparable approaches and explanations dedicated to modern language theory, which can be found both in the neo-Kantian symbol philosopher Ernst Cassirer and inthe structuralist linguists Nikolaj Trubetzkoj and Roman Jakobson, who often refer to Ferdinand de Saussure. To this end, we draw on commonly used, innovative conceptualizations of philosophical thought of the first half of the 20th century, such as form,structure, system, sign, sense or meaning, and expression, which determine the respective theories of language. Among other things, the evidence proves that certain new principles of thought and terminologies are advanced in different scientific disciplines and cultural milieus without their discoverers or representatives referring to each other, or even knowing each other.Keywords: language; system; structure; meaning; function; phonology.