Variabilidade espacial da produtividade de sorgo e atributos físicos em um Planossolo = Spatial variability of sorghum forage yield and physical attributes of an Planosol

Revista [email protected] On-line

Endereço:
Centro de Ciências Agrárias, Campus do Caume, Universidade Federal de Roraima, Monte Cristo, Rod BR 174, s/n
/ RR
69000-000
Site: http://www.agroambiente.ufrr.br
Telefone: 95 3627 2573
ISSN: 19828470
Editor Chefe: Sandra Catia Pereira Uchôa
Início Publicação: 30/11/2007
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Agronomia

Variabilidade espacial da produtividade de sorgo e atributos físicos em um Planossolo = Spatial variability of sorghum forage yield and physical attributes of an Planosol

Ano: 2013 | Volume: 7 | Número: 3
Autores: R. Montanari, E. Panachuki, L. H. Lovera, I. S. Oliveira, C. S. B. Bonini
Autor Correspondente: R. Montanari | [email protected]

Palavras-chave: densidade do solo, manejo do solo, qualidade física do solo, sorghum bicolor. = Key words - bulk density, soil management, physical quality of soil, sorghum bicolor.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O cultivo do sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) para produção de silagem vem aumentado na região Centro-Oeste do Brasil. A capacidade produtiva desta cultura pode ser influenciada pelos atributos físicos do solo, como resistência do solo à penetração - RP; densidade do solo - DS; umidade gravimétrica – UG e umidade volumétrica – UV, os quais estando com valores adequados ao desenvolvimento do sistema radicular, interferem positivamente na produtividade da cultura. Objetivando se estudar a variabilidade espacial e correlações lineares entre a produtividade do sorgo para forragem e atributos físicos do solo, realizou-se um experimento em um Planossolo na cidade de Miranda, MS. As variáveis analisadas foram biomassa verde da forragem (MVF), RP, UG, UV e DS, coletadas aleatoriamente, em área demarcada com o uso de um receptor GPS, sendo amostrados 51 pontos com espaçamentos irregulares. Os atributos estudados (solo e planta), além de terem correlação espacial, apresentaram variabilidade dos dados entre média e alta e seguiram padrões espaciais bem definidos, com alcance entre 130,0 e 352,0 m. A RP e UG foram bons indicadores da qualidade física do solo, quando destinado à produtividade da MVF de sorgo. = Abstract - The cultivation of sorghum (Sorghum bicolor L. Moench) is increasing in the Midwest region of Brazil with the aim of expanding the production of silage to be used in animal feed, with good adaptability to climatic conditions of the arid and semi-arid brazilian. The productive capacity of sorghum is influenced by soil physical properties (RP, UG, UV e DS), with these values appropriate to the development of the root system positively affect the productivity. In order to study the spatial and linear correlations between the yield of sorghum for forage and soil physical properties, an experiment was conducted in the Miranda city, MS, in an Planosol. The data were obtained by analysis of samples of plant (MVF) and soil (RP, UG, UV e DS) collected at random, having been demarcated using a GPS receiver 51 points in the cultivation area with irregular spacing. The attributes studied (plant and soil), and have spatial correlation, the variability between medium and high and well-defined spatial patterns, with a range between 130.0 and 352.0 m. The RP and UG were good indicators of soil physical quality, as for the productivity of green biomass forage sorghum.