Extensão da estratégia Saúde da Família ao atendimento dos idosos acolhidos em instituições de longa permanência públicas e privadas regularizadas perante o Conselho Municipal de Direitos dos Idosos

Atuação

Endereço:
Rua Bocaiuva, 1792 - Sala 406 - Centro
Florianópolis / SC
88.015-530
Site: https://seer.mpsc.mp.br/index.php/atuacao/index
Telefone: (48) 3330-2133
ISSN: 2595-3966
Editor Chefe: Amélia Regina da Silva
Início Publicação: 30/05/2018
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Direito

Extensão da estratégia Saúde da Família ao atendimento dos idosos acolhidos em instituições de longa permanência públicas e privadas regularizadas perante o Conselho Municipal de Direitos dos Idosos

Ano: 2021 | Volume: 16 | Número: 34
Autores: L. M. Melo
Autor Correspondente: L. M. Melo | [email protected]

Palavras-chave: estratégia saúde da família, instituições de longa permanência de idosos, ministério público do estado de santa catarina, estatuto do idoso, atendimento domiciliar

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

É possível que a Estratégia de Saúde da Família atenda in loco os idosos acolhidos em instituição de longa permanência? A partir da base jurídica que estabelece tal dever prestacional ao Poder Público são pensadas atuações institucionais à disposição do Ministério Público para tanto. Pretende-se ainda determinar, além dos efeitos positivos quanto à saúde individual dos atendidos, o impacto coletivo para a promoção da regularização das instituições de longa permanência, desde o seu regular cadastramento no Conselho Municipal de Direitos dos Idosos até a observância das normas sanitárias.



Resumo Inglês:

The study consists in the analysis of the applicability and the possibility of expansion of the initiative to bring home care of the Family Health Strategy to the elderly in long-term care institutions. Based on the legal basis that establishes such a duty to the Government, institutional strategies for the Public Prosecution Service are discussed. It is also intended to determine, in addition to the positive effects on the individual health of those cared for, the collective impact for the promotion of regularization of long-term care institutions, from their regular registration with the Municipal Council of Elderly Rights to compliance with sanitary surveillance standards.